OS PARTIDOS POLÍTICOS MORRERAM

Rodrigo Buenaventura de León


Estes dias de calmaria aparente, pelo menos em relação a cena e a sujeira política de Brasília e de todo o Brasil prenunciam uma grande borrasca.

Mas que foram alguns dias de paz para nossos cansados espíritos, isso sim foram.

O recesso de meio de ano do Congresso colocou em marcha lenta os acontecimentos políticos brasileiros. Aliado ao recesso do judiciário parece até que vivemos em outro país. Mas nesta semana tudo voltará ao normal.

Normalidade significa bagunça, caos, gritaria, mentiras, chororô e mais mentiras.

A oposição que é a ex-situação fará de tudo e mais um pouco para trancar o Congresso e implementar sua pauta de atraso. Gritará ‘Fora Temer’, enquanto seus próceres articulam o ‘Fica Temer’. Pois nada melhor para o PT que Temer no poder fazendo o jogo-sujo anti Lava-jato e ocupando todos os holofotes.

A Situação, que é a ex-situação somada a ex-oposição, seguirá fazendo aquilo que atual oposição fazia quando era situação, defenderá seus interesses (os deles mesmos) e dirá que está defendendo os nossos interesses.

Lula continuará mentindo e se fazendo de vítima. O PT continuará discursando como se fosse uma virgem vestal e não tivesse quebrado o Brasil em 13 anos de poder. Dilma continuará dizendo mer…bobagens.

Bolsonaro continuará radicalizando para alegria de uns e desespero de outros. Temer continuará negando e fingindo não ter nada a ver com isso. O PSDB continuará disputando o muro com a REDE enquanto o PSOL tentará derrubar o muro e o país.

Tudo como d’antes no quartel de Abrantes. Ocorre que o sistema partidário brasileiro faliu. Morreu!

Morreu de morte ‘matada’ e de morte ‘morrida’. E está putrefazendo-se em Brasília e empestando toda a Nação.

O PT, PC do B e os outros partidecos de esquerda estão mortos junto com a ideologia que abraçaram. Não a ideologia marxista que também já faleceu. Mas a ideologia cleptocrata sindical que fez a riqueza de seus líderes e quebrou o país.

PMDB, PP e outros se afogaram nas práticas fisiológicas, nadaram até o último fôlego para manterem-se no poder, a qualquer custo ou preço.

O PSDB caiu do muro e morreu, só alguns de seus membros não perceberam. A REDE nem bem nasceu e morreu de inércia e inépcia em cima do mesmo muro do qual o PSDB caiu.

O PSOL foi arrastado para o quinto dos infernos preso em uma perna a Marx e na outra a todo o ranço de hipócritas, ditadores e assassinos que cultua (Lenin, Mao, Castro, Chávez, Maduro et caterva). O único problema é que o Capiroto quer devolver o partido e a militância, pois estão incomodando demais no inferno.

Os demais partidinhos de aluguel estavam a venda e foram arrematados sabe-se lá por quem. Mas onde quer que estejam fedem com a catinga podre do fisiologismo, da corrupção e da falta de caráter e ideologia.

Movimentos sociais jazem gordos e inertes em seus leitos de lençóis de linho, longe de representar qualquer indivíduo, muito menos a sociedade.

Então podemos concluir apenas uma coisa. Nossa política morreu e jaz insepulta pelos quatro cantos do Brasil.

E esta matéria podre que de sua decomposição resultou não serve nem para adubo. Temos que enterrar políticos, partidos e seus proprietários o mais rápido possível. Só assim conseguiremos fazer renascer um país justo e melhor para todos os brasileiros.

O problemas é que os fantasmas que jazem e esvoaçam pelo Alvorada, pelo Planalto, pela Praça dos Três Poderes e por todos os Palácios, Sindicatos e Comitês Partidários do Brasil querem ressuscitar e voltar a nos assombrar.

E pior é que querem ressuscitar as nossas custas. Fazendo manobras desonestas e sem nenhum escrúpulo, tentam impingir um novo Fundo partidário, o voto no Distritão (tipo Venezuela) onde votaremos e eles escolherão nossos representantes, a Emenda Lula e otras cositas más.

Não é mais cara-de-pau! É safadeza mesmo!

Eles mataram a política brasileira, deixaram os corpos insepultos e querem nos cobrar o féretro.

Chega! Está na hora de enterrarmos esta corja no passado. E, enquanto este bando, de sem caráter e sem-vergonhas, não faz a passagem para o Quinto dos Infernos, vamos proporcionar-lhes, à todos, uma confortável estadia.

Estadia perpétua na Papuda ou em Curitiba!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: