SOBRE AS INVASÕES DO MST

Gil


Outro dia, até mesmo um petista de carteirinha se revoltou com as invasões do MST, ao passar pelo assentamento Bento Gonçalves em Goianá, MG. Comentou: “Tem de haver fiscalização do uso das terras nos assentamentos.  Se depois de um prazo razoável a terra não se tornar PRODUTIVA, os assentados tem de ser expulsos.”

Tem razão.  Terras tem dono, seja um cidadão que paga impostos, seja a União.  Da mesma forma que as ilhas, que são propriedade da União e administradas pela Marinha do Brasil  – não devem poder ser doadas e passarem a ser propriedade de alguém. Uma propriedade pode ser vendida. Ilhas podem receber CONCESSÃO DE USO*, e o mesmo é o que deve ser feito na REFORMA AGRÁRIA.  Senão, a partir do momento em que um alguém se torna o dono de uma propriedade, pode vende-la – e ir participar de outra invasão. 

Completo: os que recebem terra e não a cultivam e também os que participam de violência (tanto contra pessoas quanto para benfeitorias) devem registrados, de uma tal forma que nunca mais possam receber terra.   Tem muito “manifestante” querendo terra mas que não sabe usar a enxada.  Você provavelmente conhece pessoas que participam de invasões e nada sabem sobre o trato da terra.

Já passou da hora de pagar pelos crimes contra o patrimônio, tumultos e violência pública.


*Em geral, a concessão das ilhas é de 100 anos, renovável (a critério da Marinha, que tem a obrigação de fiscalizar o bom uso do bem concedido). Se não é bem utilizado, o direito de uso tem de ser cancelado.

Completo: Todos os argumentos a favor da reforma agrária podem ser usados para defender a tese de que “nenhuma terra pode ter proprietário, mas que toda terra tem de ser bem aproveitada”.  O julgamento do que é “aproveitar bem” deve ser feito publicamente e por autoridade que entenda do que está julgando – periodicamente.

Anúncios

One Response to SOBRE AS INVASÕES DO MST

  1. Marc Aubert says:

    Como dizia um amigo meu, caipira, analfabeto, mas de uma sabedoria incrível: você não é dono da terra, ela é que é sua dona.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: